Na hora de de fazer seu planejamento financeiro, existem erros comuns. Esses erros são tão comuns, que decidimos ajudá-los. Está tendo dificuldade para iniciar ou dar continuidade a um planejamento financeiro que precisa de total atenção? Hoje vamos te ensinar 5 erros de planejamento financeiro que você não deve cometer em empresas.

Realmente, montar um planejamento financeiro para negócios não é uma tarefa fácil. Com a ajuda de nossos especialistas, você conseguirá saber exatamente como estar atento há pontos de erros comuns na hora de planejar o futuro financeiro de sua empresa…

Venha com a gente e descubra! 

Não ter estudo do segmento do seu negócio

Se você não tem total conhecimento do seu negócio ou está à frente de um novo desafio sobre a gestão financeira de determinada empresa, estudar o segmento em questão é imprescindível. 

Caso você não tenha os processos de fornecimento, vendas, gastos, custos, entre outros desafios, não terá noção dos perigos e oportunidades que terá à sua frente. Se você quer fazer o planejamento financeiro de uma empresa sem conhecer totalmente o negócio, você está cometendo um erro. 

Não estar atento à sazonalidade de mercado

Ainda sobre conhecer o nicho que você terá que fazer uma gestão financeira empresarial, não estar atento à sazonalidade do seu negócio é um grande erro. Em quais épocas do ano você vende mais? Por quê? Quais são os momentos de baixa financeira da sua empresa? Você já sabe o motivo? 

A sazonalidade são as flutuações de demandas de serviços por consumidores. Bons exemplos são os chocolates vendidos na Páscoa, roupas de frio no inverno e flores no dia dos namorados. 

Você está preparado para a sazonalidade do seu negócio? Contou com isso no planejamento financeiro? 

Falta de histórico sobre fluxo de caixa

Sem histórico de fluxo de caixa, será muito difícil ter uma gestão e planejamento financeiro seguros e concretos. A não ser que seja uma nova empresa, você está errando em não ter o fluxo de caixa e seu histórico, para basear seu planejamento financeiro.

Esse histórico de caixa serve para fazer as chamadas previsões sobre seu negócio. Quando você tem um histórico sobre o fluxo de caixa de determinada empresa, simplesmente você estará munido de informações fundamentais para saber o que fazer.

É a hora de investir? Estocar material que está em baixa? Seu fluxo de vendas entrará em queda? Ou você simplesmente não sabe o que vai acontecer? É realmente quase impossível planejar as cegas e ter um excelente resultado de previsão. 

Fazer todo o planejamento financeiro a mão

Esse aviso vai diretamente para aqueles que têm uma empresa já consolidada no mercado ou que pretendem já começar “grande”. Se você estiver fazendo todo o planejamento financeiro à mão, ora ou outra isso se transformará em um erro. 

A tecnologia e o chamado pensamento computacional vieram para facilitar a vida de micro, médios ou grandes empreendedores. Não estamos falando só da calculadora. Usar softwares voltados para a gestão do seu negócio é fundamental para qualquer empresa que já tem um fluxo de serviços coeso. 

Histórico de entrada e saída, custos fixos, variáveis, investimentos, caixa, fluxo de giro, controle diário, semanal, mensal… Você consegue controlar tudo isso a mão? Ou muita coisa vai passar sem ser visto ou você perderá horas e horas neste serviço

Não fuja de investir em um funcionário qualificado para o serviço, terceirizar a contabilidade de sua empresa ou trazer uma tecnologia de controle para apoio de seu planejamento financeiro. Quer saber se você está no momento de investir nos pontos citados? É só analisar se você está ou não dando conta do que se precisa, mas também, se vale você “perder” todo esse tempo ao invés de resolver outras questões. 

Ficou com dúvidas? Entre em contato conosco através dos comentários ou mande-nos uma mensagem! 

Compartilhe!